O Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais - Idene, realizou, nesta terça-feira (27/03), a primeira reunião ordinária de 2018 do Conselho Administrativo da autarquia, que foi presidida pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas Gerais - Sedinor. Na oportunidade, foi aprovada por unanimidade a prestação de contas de 2017 e apresentada estrutura administrativa do Idene.

O encontro foi presidido pelo secretário de estado da Sedinor e presidente do Conselho de Administração do Idene, Nondas Miranda, que deu início à reunião agradecendo a presença dos conselheiros. Na oportunidade, o secretário executivo do Conselho e diretor-geral da autarquia, Gustavo Xavier, apresentou a prestação de contas do exercício 2017 apontando as principais entregas, bem como as dificuldades de execução. Em seguida, apresentou a nova estrutura administrativa do Idene alterada pelo Decreto nº 47.352/2018.

O diretor-geral do Idene, Gustavo Xavier, afirma que apesar de existirem obstáculos, a evolução é clara. “Estamos cada vez mais alinhados e com o propósito de trabalhar em favor dos que mais precisam. Hoje, podemos dizer que todos os programas executados pelo sistema Sedinor/Idene preveem a execução do início ao fim, e isso extingue os problemas futuros”, disse.

Já a conselheira Maria Betânia, representante da Unimontes, parabenizou o Idene pelos serviços prestados. “Apesar de todas as dificuldades enfrentadas, o Idene vem evoluindo a cada ano. Nós vemos o esforço que é para manter a qualidade dos serviços prestados à população”, afirmou.

Em relação as dificuldades estão a de implementação de um modelo de gestão para o efetivo funcionamento dos poços artesianos já perfurados, o cenário fiscal do Estado, assim como o passivo de prestação de contas de convênios de saída – que teve a sua evolução apresentada, e ainda a não localização de bens do patrimônio do IDENE, que apresentou uma redução significativa se comparado aos anos anteriores.

Também estiveram presentes na reunião os conselheiros: Danilo Jorge Vieira, Maria Betânia de Oliveira Pires, André Rodrigues da Silva, além de servidores do sistema Sedinor/Idene.