ASUS 2019 215

Estande do Idene na Expomontes 2019, com a exposição do Queijo Minas Artesanal 

 

Os pequenos negócios dos municípios da área do Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Idene) estão recebendo apoio do governo do Estado para mostrar e comercializar seus produtos ou serviços em feiras tradicionais das regiões. Ao invés de disponibilizar recursos para o patrocínio dos eventos, o Idene reavaliou a sua atuação, adquirindo espaços e, por meio de editais públicos, seleciona interessados em ocupá-los sem nenhum custo. Nesse trabalho, o Idene conta com o apoio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), por meio da Subsecretaria de Desenvolvimento Regional.

O primeiro evento seguindo essa linha foi a 45ª Exposição Agropecuária de Montes Claros, que ocorreu de 27 de junho a 7 de julho, considerada a mais significativa no Norte de Minas. Após uma rigorosa seleção, o Idene conseguiu levar 16 produtores de Queijo Minas Artesanal para o seu estande. Essa participação foi considerada sucesso de público e uma expressiva comercialização dos queijos. Para esse trabalho, a diretoria regional do Idene recebeu o apoio técnico do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) e Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-MG).

Segundo o diretor-geral do Idene, Nilson Borges, cada ação, projeto ou programa levados às comunidades precisam romper paradigmas e acrescentar mudanças que interfiram positivamente na vida da população. “Na Expomontes, que atraiu mais de 300 mil pessoas, por exemplo, houve um entusiasmo com a iniciativa do Idene em abrir o seu espaço para os produtores do Queijo Minas Artesanal. Queijeiros de diversas regiões do Idene estão aperfeiçoando as suas práticas para valorização do produto. Isso é muito positivo para a economia num momento em que o queijo mineiro ganha cada dia mais prestígio”, afirmou.

Exponor 2019 – Teófilo Otoni

Nessa quinta-feira (22/8) será aberta a Exponor 2019, em Teófilo Otoni, nordeste de Minas Gerais. Nesse segundo evento, que se estende até o dia 25/8, o Idene marca presença na maior mostra empresarial da região, onde haverá exposição da indústria regional, comércio de bens e serviços de segmentos diversos. Para os três dias de festa e negócios numa das regiões mais acolhedoras do estado, o Idene selecionou por edital de chamamento público oito pequenos negócios. No local haverá desde os famosos biscoitos da marca “Delícias da Ladainha” até produtos da Associação dos Agricultores Familiares do Córrego do Vale Verde. A expectativa de público chega a 24 mil pessoas para os três dias.

Espaço do Idene na Fenics 2019 vai atrair 53 pequenos negócios

Por ser a maior cidade do Norte de Minas Gerais com uma população de 400 mil habitantes, Montes Claros não se destaca apenas pela exposição agropecuária. Nos últimos 24 anos é realizada a Feira Nacional da Indústria, Comércio e Serviços - Fenics. O evento deste ano tem o Governo de Minas, por meio do Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Idene) como um dos principais parceiros.

Ao todo, o Idene negociou mais de 360 metros quadrados divididos para dois editais de chamamento público. O primeiro será destinado a microempresas, empresas de pequeno porte, microempreendedores individuais, agroindústrias familiares e ao rico artesanato do Norte e Nordeste, por meio de associações e cooperativas. Serão contemplados 40 empreendedores individuais e ou coletivos.

No segundo edital, o espaço vai atrair microempresas, empresas de pequeno porte, microempreendedores individuais que se enquadrarem como potenciais prestadores de serviço e fornecedores de equipamentos do segmento de geração distribuída de energia solar fotovoltaica, que tenham sede no Norte e Nordeste do estado. Para esse estande serão selecionados 13 interessados que cumpram as exigências. Clique aqui para acessar os editais. 

Atrações à parte

Dentro da Fenics 2019, dois eventos paralelos com a participação do Idene chamam a atenção de empresários e especialistas de várias partes do país: “Encontro Multimodal de Transportes – Norte de Minas” e o “Seminário: Tendências e Oportunidades do Segmento de Energia Solar Fotovoltaica”. Os dois temas são relevantes no atual governo mineiro e estão sendo amplamente discutidos pelo Idene e secretarias de Desenvolvimento Econômico (Sede) e Planejamento e Gestão (Seplag) nas reuniões da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). A intenção é trazer parte dos recursos previstos no Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE) para essas áreas em Minas Gerais.

O Idene tem uma área de abrangência de 258 municípios, sendo a maioria deles nas regiões Norte e Nordeste de Minas Gerais; enquanto a área mineira da Sudene contempla 168 municípios mineiros do semiárido, entre eles Montes Claros.

 Estande do Idene em MontesClaros